Sábado, 13 de Novembro de 2010

Há algum tempo que o admirava.

E escolho-o para esta minha retoma ao blog, depois de um tempo em que não me senti criativa nem disposta...

João Manuel Serra era o seu nome e há 10 anos saía à noite de sua casa, e numa esquina da movimentada Av. Saldanha, generosamente, acenava e mandava beijinhos a quem circulava de carro.

Assim, simples e insólito, distribuía atenção e alegria (haverá tarefa mais útil?) aos ocupantes de todos os carros que passavam por ele.

E passavam muitos: uns mais alegres e em cujo espírito se revia  entendido e acompanhado, e intensificava o gesto e o sorriso, e outros que, como ele, estavam sós e recebiam aquele gesto de saudação como uma corda que os resgatava de uma tristeza ou de uma frustração, ainda que apenas por alguns segundos.

E seguiam o caminho mais reconfortados e ele voltava para casa mais acompanhado - mesmo morando sozinho- e com um sentido para a sua vida.

Quantos poderão afirmar o mesmo?

Percebo-o.

A ele e aos os que tiveram a sorte de se cruzar com ele.

Às vezes percebemos como um gesto breve, quotidiano e gratuito, pode ter um impacto enorme na vida de outros... 

Li algures que as coisas verdadeiramente importantes são infinitamente baratas.

Acredito.



publicado por Marta M às 11:59
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
19
20

21
22
25
26
27

28
29


Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO