Quinta-feira, 28 de Abril de 2011

Não é meu hábito ler ou dedicar o meu tempo a romancear...

Hoje percebo que o amor pode ter mil e uma faces e que o meu coração é muito maior que a princípio me ocorreria pensar.

Mas já tive 19 anos e todos os sonhos do mundo habitavam em mim.

E a princesa Diana, na altura, encarnava-os na perfeição

A princesa Diana faz  falta e, amanhã, os seus medos e sonhos e fragilidades estarão em grande destaque novamente.

Em 1981, dois anos antes do meu casamento, assisti em directo ao dela.

E foi pura magia para mim. Para ela não, soube-o anos mais tarde.

Mas o seu penteado, a sua postura de menina doce, o seu sorriso aberto e todos as suas realizações foram imensamente inspiradoras para mim.

E os seus sonhos de construir um lar para os seus filhos, preservado e distinto de tudo o que lhe tocara viver na infância...Tudo isto eu entendi e incorporei.

Depois a vida interferiu. E mostrou que os sonhos não se concretizam como os sonhámos.

Mas vieram os filhos, para ambas, e tudo parecia de novo possível.

Paralelismos infantis à parte - concedo, mas depois cresci...- o certo é que ano 1997 foi um dos piores anos (se não o pior) da minha vida. E foi esse, também, o ano da sua morte.

Nunca me hei de esquecer desse domingo e do tanto que chorei. E chorei muito nesse ano e no seguinte, por mim e algumas vezes por ela. Foi como se uma torneira se desatasse e nunca mais parecia conseguir parar...Foi um cúmulo de acontecimentos distintos e mergulhada neles, pensei inúmeras vezes que não os aguentaria...

Mas aguentei, e um dia parei de lamentar-me e de chorar e quase sequei...Mas isso é outro assunto.

Amanhã casa-se o seu filho querido, o seu herdeiro.

E todos nós que temos filhos, podemos imaginar o peso da sua ausência amanhã e o tanto que ela gostaria de poder estar presente.

E a falta que fez e fará ao filho...

Injusta a vida, ou sábia, não sei...Talvez esteja melhor e tenha encontrado a paz que tanto buscou.

Espero de todo o meu coração que o casamento do William quebre este ciclo familiar e mostre que "melhor é mesmo possível" - L.A

Tenho a certeza que a Diana, onde estiver, os abençoará.

 



publicado por Marta M às 18:43
Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

17
19
20
21
23

24
25
26
27
29
30


Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO