Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012

 

Apesar da crise sistémica e do calendarizado Fim do Mundo, ele, imune a tudo isto, cá está - O Natal.
Eu, avessa a muitas comemorações(calendarizadas, ainda menos) cá estou, disposta a dar o meu melhor...
Este ano, dispensada do consumismo, por ausência de tempo e fundos, até estou um pouco mais entusiasmada :)
Desejos? Poucos, que isso já se mostrou perigoso e escorregadio.
Mas enfim, se conservar a saúde, reconhecer respeito e mantiver a paz de espírito alcançada, já agradeço.
Para oferecer? Tenho boa vontade, paciência e um que outro sorriso, chega?
Com carinho e especialmente  para os meus pacientes e queridos amigos do blog, fica esta partilha que ilustra o caminho que tenho estado a forçar-me fazer e que me tem ocupado o coração e absorvido a capacidade de escrever.. Por enquanto, compreendam, apetece-me mais escutar/ler...Que falar.
Obrigada :)
 

"Observa e assim consegues agradecer tudo o que a vida te dá.

Porque não achas que seja uma obrigação da vida dar-te essas coisas.
Imagina que prescindes de ter expectativas em relação às pessoas. Se elas falharem contigo ficas tranquilo, pois não esperavas nada. Se elas forem dóceis, sinceras e carinhosas, se forem amigas, cúmplices e companheiras, como não estavas à espera de nada, consegues ver e agradecer esses actos.
Normalmente o ser humano tem expectativas a mais, e tudo o que recebe acha pouco. Queria mais, achava que devia ter mais. E esse mais estraga tudo. Transforma o ser numa pessoa calculista, competitiva e mesquinha. E esse ser, nesse estado, só tem ressentimento. Não está grato por nada, não recebe nada porque acha que as coisas já são suas à partida. E esse ser vai ter mais decepções do que alegrias.

Vai ter mais ressentimento do que gratidão.

E uma alma sem gratidão não vai absolutamente a lado nenhum."

Alexandra Solnado -2011

 

Nota. Isto no que se refere às pessoas,dos responsáveis políticos exijo muito mais, claro!  {#emotions_dlg.hide}



publicado por Marta M às 19:53
Marta
Embora não pareça, nunca te esqueço e venho visitar-te muitas vezes. Como me escreveram os meus alunos, enquanto houver um sorriso de simpatia, uma palavra de carinho, um pequeno gesto de amor, sempre existirá Natal. Que esse teu sorriso lindo continue a presentear os corações que o acolhem e que a luz do Natal ilumine o novo ano que vai começar dando-te o alento que precisas para o viver em alegria, paz e saúde. Um grande beijinho

Teresa
descobrirafelicidade a 24 de Dezembro de 2012 às 13:30

Teresa:
Hoje o dia foi mais leve e, portanto, voltei por aqui apenas para agradecer a paciência de quem continua a visitar-me nesta minha fase mais recolhida...Pretendo voltar,mas ainda não é o dia para retomar o ritmo de sempre...
Por isso, renovo o agradecimento pelas visitas e pela amizade que continuo a ler nas tuas palavras..
Até já amiga, preciso deste tempo por enquanto..
Abraço grande e grato
Marta M
Marta M a 31 de Janeiro de 2013 às 19:07

Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
Lugares que Também visito ;)
http://optimismoemconstrucao.blogspot.com/ http://joaodelicadosj.blogspot.com/ http://theosfera.blogs.sapo.pt/
pesquisar neste blog
 
Contador de visitas ...
E neste planeta...

contador gratis
blogs SAPO