Domingo, 15 de Maio de 2011

 

Fossem meus os tecidos bordados dos céus,
Ornamentados com luz dourada e prateada,
Os azuis e negros e pálidos tecidos
Da noite, da luz e da meia-luz,
Os estenderia sob os teus pés.
Mas eu, sendo pobre, tenho apenas os meus sonhos.
Eu estendi meus sonhos sob os teus pés
Caminha suavemente, pois caminhas sobre meus sonhos.

 

William Butler Yates - 1880

 

Às vezes apetece agarrar no braço de alguém e pedir-lhe que vá devagar, que "pise" com cuidado, que não se esqueça que, em baixo, estão os nossos sonhos...

Um dia escutei que uma pessoa pode ser/ficar "quebrada" e achei estranha a expressão.

Anos mais tarde, entendi-a.

Ainda hoje, tanto tempo depois - tanta vida vivida -continuam as rachas apesar da "cola" e dos remendos de crescimento que já levou.

Estranho o nosso coração...

Há mesmo palavras que não se deviam pronunciar...



publicado por Marta M às 16:12
Olá minha amiga que maravilhoso post . Para já William Yates é dos meus autores estrangeiros preferidos em poesia não fosse ele de uma país que me faz sonhar e um dia gostaria de visitar pela sua gente, história, lendas e coragem a Irlanda

Adorei o post porque concordo que se fica quebrado sim para todo o sempre, mesmo que colemos bem como cola, que vamos de quando em vez vendo se as fissuras querem aparecer e tentamos colar de novo, para manter inteiro, mas há sempre o perigo de por uma palavra, uma acção elas ameaçarem ultrapassar todos os cuidados e quebrar de novo.

Deixo-lhe um dos últimos poemas de Yates , que deve conhecer, e um grande abraço com um beijinho doce. Boa semana!

Cast a cold Eye
On Life, on Death.
Horseman, pass by
Fátima Soares a 15 de Maio de 2011 às 17:03

Olá Fátima.
Agradeço a visita e o poema (epitáfio) que aqui partilha e que é muito impactante , tem razão.
Um génio Yates e uma alma intemporal.
Adoro poesia Fátima, embora não tenha nem o seu talento para escrevê-las, nem uma cultura tão alargada sobre outros autores.
De vez em quando vou citando os que me tocam mais.
A mais, não me atrevo.
Abraço grato
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:15

Já me" quebraram" algumas vezes e há palavras e gestos que não consigo esquecer.
Não vivo o meu dia a pensar nestes percalços , mas quando penso dói
Há palavras que doem mais que uma bofetada...
O importante é sabermos fazer caminhadas suavemente ...sem pressas.
beijinho
geriatriaaminhavida a 15 de Maio de 2011 às 19:12

Amiga.
Existem palavras que doem sempre,passe o tempo que passe.
Por vezes tenho pena que o nosso coração seja assim, que fique sempre tudo tão "impresso"...
Abraço
:)
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:19

Quando nos quebram precisamos de ter ainda mais força e querer para conseguirmos reunir os pedaços.
Um coração quebrado nunca cola perfeitamente. Há sempre uma parte que não recuperamos: a confiança naquele que o quebrou e esses pedaços do amor que, percebemos, não foi merecido.
As palavras têm um poder extraordinário: para quebrar e para unir.
excessiva a 15 de Maio de 2011 às 19:59

Olá.
Sim, as palavras podem ser tão bonitase pacificadoras e, no entanto, há que insista em usá-las para agredir...
Pois, como já referi por aqui, o nosso coração é que não é à "prova de bala", não é?
Abraço e obrigada pela visita :)
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:26

Quebrada algumas vezes, cá vou andando tentando entender a vida e o porquê de algumas coisas, tentando não quebrar os sonhos, andando suavemente.
Um beijinho amiga Marta
Rosinda
Rosinda a 15 de Maio de 2011 às 20:13

Rosinda.
Percebe-se no teu olhar que já foste "quebrada"..Mas também se percebe que sempre soubeste "juntar" os pedaços e continuar o caminho..
Com amor, principalmente.
Abraço grande
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:29

Uma vez uma amiga disse-me que a vida vai deixando marcas no coração, cicatrizes que ficam ali para sempre e nos vão endurecendo até que um dia todo o coração é uma cicatriz e deixamos de conseguir sentir .... disse-lhe que não estava de acordo, e continuo a não estar, a vida deixa-nos marcas sim, mas nem sempre o que nos faz mal faz de nós mais duros, nem o que nos faz bem faz de nós melhores pessoas.

A vida vive-se vivendo ... e devemos aprender com tudo o que passamos, porque tudo na vida tem algo de positivo, basta olhar para o lado certo

Boa semana Marta

Jorge Soares
Jorge Soares a 16 de Maio de 2011 às 00:21

Jorge:
As palavras duras, se ditas pela boca dos mais amamos e consideramos podem sim, ser um ponto de partida para outros (melhores?) caminhos...
Porque da facto, ouvidas certas coisa, nada fica igual.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Jorge: <BR>As palavras duras, se ditas pela boca dos mais amamos e consideramos podem sim, ser um ponto de partida para outros (melhores?) caminhos... <BR>Porque da facto, ouvidas certas coisa, nada fica igual. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Sim,depende</A> do ângulo e do quanto estamos dispostos aprender... <BR>Obrigada pela visita. <BR>Abraço de bom fim de semana <BR>Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:35

Eu sei que se calhar me vou repetir, mas é incontornável esta minha maneira de ver as coisas e compreender como somos, o que sentimos e como vivemos.
O teu texto é o desabafo das muitas caminhadas já feitas, umas em que os tombos e as cicatrizes são inevitáveis, outras em que a alegria, a aprendizagem, aquele olhar, a palavra, nos fazem sentir que tudo vale a pena, que viver pode não ser fácil, mas há a imensa satisfação de conseguirmos escalar o impossível, perseguir os nossos sonhos e planar acima daqueles que teimam em querê-los destruir.
Tu consegues amiga e acredita sempre na beleza dos teus sonhos.

Beijos
Manu
Existe um Olhar a 16 de Maio de 2011 às 20:52

Eu acredito Manu .
Todos os dias de forma natural, conforme respiro..
Mas houve um tempo que não foi assim e tive que "obrigar-me " a fazê-lo.
E não me apetecia mais que chorar...
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Eu acredito Manu . <BR>Todos os dias de forma natural, conforme respiro.. <BR>Mas houve um tempo que não foi assim e tive que "obrigar-me " a fazê-lo. <BR>E não me apetecia mais que chorar... <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Levantei.me</A> (penso...) e retomei o caminho, mas o fantasma , de vez em quando..volta. <BR>Cada vez menos, é certo. Mas volta. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Exorcisá-lo</A> vai levar tempo -mas chego lá, tens razão. <BR>Os sonhos continuam, com outros objectivos, mas ainda andam por aqui :) <BR>E nunca te repetes amiga, é a própria vida é que se repete ;) <BR>Obrigada amiga <BR>Abraço <BR>Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:50

Eu acredito Manu .Todos os dias de forma natural, conforme respiro..Mas houve um tempo que não foi assim e tive que "obrigar-me " a fazê-lo. E não me apetecia mais que chorar... Levantei.me(penso...) e retomei o caminho, mas o fantasma , de vez em quando..volta.
Cada vez menos, é certo. Mas volta.
Exorcisá-lovai levar tempo -mas chego lá, tens razão.
Os sonhos continuam, com outros objectivos, mas ainda andam por aqui :)
E nunca te repetes amiga, é a própria vida é que se repete ;) Obrigada amiga
Abraço
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 19:52

Olá Marta,
Em primeiro lugar obrigada por ser minha seguidora.
Não tenho comentado aqui, embora faça visitas sempre que posso.
Quanto à sua mensagem , quem é que nunca quebrou, colou e voltou a quebrar? Não esquecendo quem ou o que nos quebrou, damos muitas vezes hipóteses a que nos quebrem de novo.
A vida é mesmo assim, mas felizmente que existem "colas" que nos ajudam a esquecer um pouco os remendos anteriores.
Um beijinho
Teresa (do http://natuereza.blogspot.com)
Teresa a 17 de Maio de 2011 às 00:53

Olá Teresa:
Seja bem vida à tribo ;)
Sim, é verdade,todos jáfomos sendo quebrados e tivémos que colar tudo outra vez.
Se não estamos nunca imunes que o voltem a fazer...Pelo menos,da minha parte,certifico-me a cercear a margem de manobra, em relação a mim , de quem já o fez.
Tenho fé nas mudanças, no progredir, mas preciso perceber se, quem o fez, se deu conta do erro.
Não somos perfeitos, não é?
Nem somos de ferro...
Abraço e, volte sempre que entender, será sempre bem vinda :)
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 20:10

Olá Marta.
A cicatriz das feridas fica sempre, infelizmente. Temos é de cuidar para que a pele não volte a abrir no mesmo lugar onde já foi magoada...
Bjns
cuidandodemim a 17 de Maio de 2011 às 13:48

Assim que te li lembrei-me de K. Robinson - http://www.ted.com/talks/sir_ken_robinson_bring_on_the_revolution.html
Beijo grande
Teresa
descobrirafelicidade a 17 de Maio de 2011 às 18:14

Sim ,querida Teresa, assim é.
E fazermos o possível para que a carapaça da cicatriz não endureça o nosso coração que há de permanecer permeável...
Mesmo que mais vulnerável, fechá-lo totalmente é como "morrer "para a vida e para as surpresas boa que também aparecem ;)
O vídeo é muito interessante e motivador, já conhecia a primeira intervenção de há 6 anos, mas esta não.
Obrigada pela recomendação e por me teres em tão boa conta :)
Abraço grande
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 21:57

... e há outras que nos deviamos esforçar por dizer mais no dia a dia, nãoi é mesmo, Marta?
Mas concordo que vale sempre apena, nesta partilha de vida, dar a mão e sussurrar ao ouvido que seja para que o outtro nos oiça caso seja preciso, mas sobretudpo se oiça a si measmo... e não desista de sonhar e deixar sonhar os outros e aprender com os sonhos de todos nós. Afinal, "pelo sonho é que vamos" como dizia Sebastião da Gama!
Abraço amigo
Isabel
Isabel Maia Jácome a 18 de Maio de 2011 às 00:45

Olá Isabel:
Sim, temos mesmo que dizer mais coisas boas e construtivas e, ir lembrando a que está ao nosso lado,pois que pise devagar...
Abraço e obrigada por compreenderes :)
Bom ver-te por aqui :)
Marta M
Marta M a 21 de Maio de 2011 às 21:59

Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

29
30
31


Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
Lugares que Também visito ;)
http://optimismoemconstrucao.blogspot.com/ http://joaodelicadosj.blogspot.com/ http://theosfera.blogs.sapo.pt/
pesquisar neste blog
 
Contador de visitas ...
E neste planeta...

contador gratis
blogs SAPO