Domingo, 31 de Janeiro de 2010

 

O riso é contagioso?

 

 É.

Mesmo que não o tivesse comprovado já inúmeras vezes (felizmente!), lembro o episódio que relatei sobre a minha filha no Registo Civil que, com o seu sorriso aberto e genuíno, fez iluminar o rosto de um funcionário conhecido pelo seu mau-humor militante, que também não lhe resistiu...

Esta semana voltei a sentir o impacto que pode ter em nós um sorriso, se inesperado, melhor.

Existe um colega na escola (como muitos outros lados, já se sabe) que mantém sempre um ar pesado e, talvez, se conhecesse melhor (que não é o caso), arriscaria - triste.

Pois não é que, esta semana, a título de trabalho, ao trocarmos impressões e perante um comentário funcional, esse colega, do nada, abriu um tímido sorriso que teve o poder de o iluminar e, até, de o tornar mais bonito? Parecia que se tinha transformado noutra pessoa!

Eu que estava à espera do registo taciturno habitual, fiquei desarmada.

Depois sorri e, a partir daí, o diálogo foi mais fluído e mais oleado que nunca.

Sei que nem sempre temos vontade de sorrir. Entendo-o até muito bem.

Nunca podemos, ou devemos sequer conjecturar sobre as razões ou as circunstâncias de outrém. Não sabemos nunca, só de conviver, quais as reais circunstâncias de vida de alguém...

Do seu sorriso ou da ausência dele.

Eu que não sou de "riso" fácil, sou adepta de acrescentar um sorriso acolhedor sempre que me cruzo ou dirijo a alguém, na escola como na vida.

Porque faço esse (às vezes) esforço? Porque sei que todos, sem excepção, temos dias maus, em que parece que já não aguentamos a falta de apoio, de carinho ou o tanto que nos cai em cima. Nesses dias, não queremos falar, ouvir e, menos ainda, "aturar" ninguém...E quase tudo nos outros parece ter o dom de nos irritar .

Mas e se os outros, nesses dias, também passam por circunstâncias semelhantes e estão a sentir o mesmo que eu?

Sendo certo que só temos um planeta e nesses dias temos que continuar a dar resposta a todas as rotinas, e os outros também...Há que encontrar formas de nos suportarmos mutuamente, sem nos hostilizarmos pelo convívio forçado, certo?

Encontrei na educação, na cortesia e no sorriso (mesmo que suave) a forma de interagirmos em  paz e, melhor, aliviarmos um pouco a nossa tensão e a dos outros.

Este pequeno filme, retirado de um mail de uma amiga querida, ilustra este meu lema e penso que pode ser contagiante, ajudando a tornar mais leve as cargas. Sejam elas quais forem.

O termo Bodissatva pertence à filosofia Budista e designa seres de sabedoria elevada, que seguem uma prática espiritual e de vida que visa a remover obstáculos e beneficiar todos os demais seres.

Pessoas que acrescentam algo ao mundo, tornando o convívio (mesmo o forçado, neste caso) mais humano e fluído.

Bem-haja por elas.



publicado por Marta M às 18:22
Olá Marta
O sorriso!!!!Oh como é bom sorrir!
Ao ler o que escreveste revi muitos momentos em que encontrei pessoas com alguma dificuldade em sorrir, muitas vezes por timidez, outras por acharem que poderiam dar uma imagem mais banal, outras porque acham que os outros podem ver num sorriso uma porta aberta para faltas de respeito, outras porque não têm motivos para o fazer, principalmente quando a vida é madrasta.
Como considero os nossos blogs um espaço de partilha atrevo-me a deixar aqui um pouco de mim. Costumo dizer que a minha melhor arma é o sorriso, faço-o fácil e naturalmente e é tão comum em mim que já se atreveram a perguntar-me se não tinha problemas...claro que tenho, mas reconheço que a minha cara sisuda em nada vai alterar o meu estado emocional e penso que os sorrisos que me são devolvidos são a melhor ajuda para superar as dificuldades.
A tua filha é o melhor prova em como ninguém pode ficar indiferente a um sorriso sincero e genuíno.
Muitos sorrisos para ti esta semana

Manu
Existe um Olhar a 31 de Janeiro de 2010 às 19:53

Olá Manu .
Começo por pedir desculpas a TODOS, a partir da tua resposta, pois o tempo nesta semana é um bem escasso para mim.. Já começaram as reuniões e testes intermédios :(
Agora respondendo concretamente ao teu comentário e agradecendo imenso que uses este espaço como espaço de partilha, porque te sentes entre amigos/as, já havia intuído que és alguém sorridente ;)
Acho que o percebi em primeiro no teu blog e depois pela forma positiva como comentas...Achei-te sempre simpática e leve, mas aoprofunda nas tua reflexões...
Diz-se que só pode ser sério, quem sabe relativizar e ver o outro lado!
No caso, parece ser mesmo assim.
Obrigada por andares por aqui.
Abraço grande
Marta M a 3 de Fevereiro de 2010 às 22:48

"Pouca coisa é necessária para transformar inteiramente uma vida: amor no coração e sorriso nos lábios."
O sorriso é mesmo transformador e enriquece-nos a todos tornando este mundo bem mais bonito de se viver. Foi bom ter lido estas tuas palavras hoje, pois estava meio carrancuda e agora já te posso dar um abraço com um sorriso nos lábios e do coração.
descobrirafelicidade a 31 de Janeiro de 2010 às 20:07

Teresa:
"Carrancuda" tu? Podes ser ocasionalmente nostálgica, mas me pareces "alegre" por dentro e..viva!
Tens um sorriso muito aberto e bonito. Escondê-lo seria crime :)
Agradeço-te do coração, teres colocado hoje este poema da Rosa Lobato Faria no meu blog.
Ajudaste-me a fazer uma homenagem muito merecida e a trazer luz e carinho a este meu espaço. E trouxeste-a para aqui, num lugar que, acredito, ela poderia sentir-se em casa ;)
Bem hajas do coração.
;)
Abraço grande
Marta M
Marta M a 3 de Fevereiro de 2010 às 22:55

Tenho a certeza de que, neste lugar, ela se sentiria em casa, sim, e bem aconchegada. Este foi um sorriso dela para ti e todos nós que vos lêem. E eu é que agradeço os vossos lindos sorrisos: Muito obrigada!

Obrigada, amiga, pela milésima vez!
Abraço enorme
Marta
Marta M a 6 de Fevereiro de 2010 às 18:05

Quando terminei de ver o video, ria ás gargalhadas. Quem estava em casa, veio ver o que se passava... mostrei o video e eles também partilharam do mesmo estado de espirito que eu.

Obrigada Marta por partilhar este fascinante video. Foi, sem duvida, a melhor forma de começar o dia... (:

...E que os sorrisos, sinceros e genuinos, façam parte integrante da sua vida e dos que ama!
Bem haja*
Angélica a 1 de Fevereiro de 2010 às 11:56

Olá
É muito giro, não é?
Também me ajudou a sorrir quando o recebi ;)
Os meus filhos adoraram e fez bem a todos, porque este ano anda complicadito...
Abraço e obrigada pela visita
;)
Marta M a 4 de Fevereiro de 2010 às 12:37

Olá, Marta!
Como Visitador Voluntário que fui achei sempre ser necessário «arrancar» aquele sorriso aberto aos doentes terminais da unidade hospitalar onde estive inserido num grupo de Visitadores Voluntários.
Sempre que conseguia isso, vinha para casa de Alma e Coração Coragem plenos de felicidade.
Resto de uma tarde feliz!
Abraço
Marcolino
Marcolino Duarte Osorio a 1 de Fevereiro de 2010 às 17:08

Marcolino:
A pouco e pouco, vou respondendo aos amigos..
Ser voluntário com um sorriso e arrancar " nesse exercício um sorriso na alma de quem não apetece é algo que "acrescenta" a vida dos outros.
Bonita e exemplar a sua generosidade.
Espero um dia poder dedicar-me a essas acções para com os que precisem de mim.
Já faltou mais...
Abraço
Marta M
Marta M a 4 de Fevereiro de 2010 às 22:49

Olá, Marta!
Nem sempre podemos ser Visitadores Voluntários porque é mister deveras dificil. Comecei por ser voluntário no seio da Familia, atento atodos, ajudando a todos naquilo que podia fazer, e também sabia fazer! Mais tarde virei-me para o Voluntariado aos Sem Abrigo. Depois, e a convite, fui integrado num grupo de Visitadores Voluntários da Cadeia Civil de Lisboa. Já não sei como, fui convidado a integrar um grupo de Visitadores Voluntários a doentes terminais, de um dos Hospitais Civis de Lisboa. Aqui confesso que me dei ao trabalho de lá ir, sem vinculo algum ao grupo porque, se aguentasse aquela primeira visita, chegasse a casa, jantasse em termos, dormisse descansado, e acordasse bem disposto sem traumas, acederia e entraria no grupo. Realmente assim aconteceu, e durante alguns anos participei desta Cruzada da Paz, Amor Fraternal Universal, e Partilha! Interrompi por causa das operações que fiz, não só aos meus olhos, mas também aos intestinos, a última das quais decorreu a 29 de Setembro de 2009. Ainda estou a ser seguido quinzenalmente no Hospital e, pelo andar das coisas, penso começar a ser seguido apenas uma vez por mês a partir do dia 15 de Fevereiro, segundo o parecer da equipa que me operou, que se mostra confiante na minha rápida recuperação, sem ser necessário recorrer de novo à quimioterapia!
Se regressarei?
É coisa que me é dificil dizer, uma vez que fiquei com a minha visão reduziida para 15%, o que nunca me impediu de fazer uma vida quase que igual à de quem vê com lentes sem grandes graduações, desde que conheça a geografia dos espaços que percorro diáriamente.
Atingi este estágio de vida com a minha experiência de Visitador Voluntário, aprendendo vendo como os «outros», inteligentemente, eram capazes de superar as suas doenças!
Noite tranquila
Abraço
Marcolino

Marcolino:
Com um testemunho desta qualidade e dimensão..
Só posso dizer-lhe:
Obrigada pelo exemplo de vida!
Nem faz ideia da falta que fazem.
Espero que o Universo e as forças do bem (que acredito existem!) o apoiem.
;)
Abraço grande
Marta M
Marta M a 6 de Fevereiro de 2010 às 18:09

Um sorriso ilumina o rosto e a alma. Tento sorrir com frequência no meu convívio com os outros. O vídeo é realmente interessante, o riso é realmente contagioso!
Beijo
Rosinda a 1 de Fevereiro de 2010 às 20:20

Olá Amiga:
Tenho acompanhado o seu blog e querido expressar-lhe a solidariedade que me tem suscitado...Mas o tempo é um bem que, nesta semana, não tenho.
Apenas uma linhas para dizer que se pressente a sua força interior nas linhas que escreve. Por aí se percebe também que tem estrutura para prosseguir "reforçada" deste episódio menos bom.
Prometo, breve, fazer-lhe uma visita virtual ;)
O vídeo é de guardar e ver em dias cinzentos, não é?
Abraço e bom fim de semana
MartaM
Marta M a 5 de Fevereiro de 2010 às 13:12

Marta,
Felizmente o riso é mesmo contagioso...e quando assim é incontrolável!
Beijo com sorriso,
Nucha
Nucha a 2 de Fevereiro de 2010 às 13:45

Nucha:
Amiga, como vais?
No meio do turbilhão das últimas duas semanas, tenho pensado em muitas amigas (tu especialmente) mas depois falta-me o "melhor": Tempo!
Quando posso, já é tarde e no outro dia sou"engolida" por tanta coisa que...sobrevivo apenas para o essencial ;)
Vou tentar ligar e agradecer-te pessoalmente as tuas visitas e comentários pela positiva!
Espero que me dês boas notícias :)
Abraço grande
Marta M
Marta M a 5 de Fevereiro de 2010 às 13:18

Marta,
Sem preocupação. De um modo ou de outro, como dizes, engole-nos o tempo!
Tudo a correr bem felizmente!
Beijinhos e obrigada por estares atenta.
Nucha
Nucha a 5 de Fevereiro de 2010 às 14:59

Amiga Marta!
É sempre tão bom passar por aqui. Mais um tema muito interessante.
Respondendo à pergunta que colocas no inicio deste bonito post, acredito que Sim. Que o riso, bem como o sorriso é contagioso.
Acredite-se ou não, a forma como falamos com os outros e a expressão facial com que o fazemos, vão ter impacto na outra pessoa. Se estamos bem dispostos, e o mostrarmos a quem nos rodeia, este bem estar será concerteza multiplicado.

Sabes, parte do meu dia é passada no trabalho, no qual estou em contacto permanente com muitas pessoas e, tão bom que é quando chega alguém ao pé de mim, com um sorriso nos lábios e me diz com gosto: "Bom dia menina". Ao invés, também sucede inumeras vezes, eu cumprimentar, e nem haver contacto visual nem alguma troca de palavras. Nestes casos é impossivel não sentir um desconforto.

Para terminar digo que sinto que ao sorrir e ao rir, estamos a não criar barreira nenhuma entre nós e outros e estamos pura e simplesmente a dar um pouco de luz, mesmo quando ela não quer lá estar.

Um grande beijinho e que tenhas sempre inumeras razões para sorrir.
Caminhando... a 2 de Fevereiro de 2010 às 15:11

Joana:
Desculpa-me tanta demora... Já nem sei como desculpar-me..Mas há semanas em que nem sei como dar reposta a tudo.
Mas hoje ao reler o teu comentário, percebo novamente a dimensão da tua sensibilidade e,se queres que te diga, também te imagino risonha..Acertei?
Abraço de bom domingo ;)
Marta M
Marta M a 6 de Fevereiro de 2010 às 18:13

Adoro pessoas que cativam pelo seu sorriso e pelo seu olhar. Pela sinceridade com que olham as outras e lhes transmitem algo. E concordo que sim, obviamente, o riso é mesmo contagioso :) eu adoro sorrir :)
Bjns
cuidandodemim a 2 de Fevereiro de 2010 às 15:11

Olá!
Bom mesmo ver que adoras sorrir, no teu caso, vivendo e vendo o que vês todos os dias, faz de ti uma força da natureza e um bálsamo para os que recebem os teus cuidados.
Já te imagino a "iluminar" enfermarias inteiras..;)
Já pensaste em te clonar?
São precisas mais como tu e não abundam por aí...
Abraço e bom Domingo
Marta M
Marta M a 6 de Fevereiro de 2010 às 18:16

:) Há dias que estou mais bem disposta do que outros, mas sempre que estou é ver-me lançar sorrisos e piscares de olhos aos velhinhos. Não sei se preciso ser clonada, só queria conseguir estar todos os dias assim...
Bjns
cuidandodemim a 8 de Fevereiro de 2010 às 13:55



Sorriso

“O sorriso é uma chave

Que abre portas e janelas.

Entre muitas coisas mágicas

O sorriso é uma delas.

O sorriso é simpatia

Também pode ser amor.

O sorriso tem magia

Tem ternura e calor.

O sorriso dá carinho

O sorriso faz amigos.

Constrói tu, no teu caminho

Uma ponte de sorrisos.”

Rosa Lobato de Faria.
descobrirafelicidade a 3 de Fevereiro de 2010 às 12:57

Um sorriso é a melhor arma do mundo...

beijinho
Loira a 4 de Fevereiro de 2010 às 14:19

Olá
Nem mais, desarma-nos e "desinstala" maus humores, não é?
Bom Domingo
Marta M
Marta M a 6 de Fevereiro de 2010 às 18:17

Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
20
21
22

24
25
27
28
29
30



Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
Lugares que Também visito ;)
http://optimismoemconstrucao.blogspot.com/ http://joaodelicadosj.blogspot.com/ http://theosfera.blogs.sapo.pt/
pesquisar neste blog
 
Contador de visitas ...
E neste planeta...

contador gratis
blogs SAPO