Terça-feira, 26 de Janeiro de 2010

" Sabe que idade tem o meu filho? 8 meses! Esse exame não pode estar certo! - insistia eu, convicta.

- Já lhe disse, não deve haver erro, mas posso lhe fazer outro, se quiser...

- Ai vai fazer vai e é já agora."

Quando desci as  escadas íngremes do laboratório (na altura ainda sem elevador) já não o fiz com o meu habitual passo apressado, agarrei-me ao corrimão com firmeza e assentando cada pé...

Já não estava sozinha e já cuidava do teu bem estar, ainda que só soubesse da tua existência há 10 m.

Pois, foi assim que soube que vinhas a caminho querida filha.

É claro que conheces a história e sabes que fui imediatamente a uma papelaria da Baixa comprar um postalzinho de boas vindas para ti - já o leste inúmeras vezes, não é? - e, a partir desse momento, preparei a tua chegada.

Lembras de te contar que fui comprar uma roupinha nova para o teu irmão para quando ele te fosse ver à maternidade e guardei-a durante 7 meses? Ele estava tão lindo com o seu fatinho azul - ainda que, cá entre nós, sabemos que não te recebeu lá muito bem ;)

Que posso dizer de ti e do tanto que preencheste e preenches (às vezes, reconheça-se, por preocupação) a minha vida?

Que, com o teu irmão, és tudo para mim? Que daria a minha vida, sem hesitar, por ti?

Isso a maior parte dos filhos deste mundo (espero!) já sabem.

O que faz de ti alguém especial para mim, foram todos aqueles sorrisos abertos que inúmeras vezes me foste brindado ao longo de anos, todos aqueles dias em que te ia buscar à hora do almoço ao colégio e corrias para mim como se não me visses há anos, todos aqueles dias em que eu engolia lágrimas e tu esticavas o bracinho e apertavas o meu ombro no carro, ou de todas as vezes que me defendeste e dizias " Não falas assim com a Mata!"...

Ou daquela vez que, por termos discutido antes, entraste no comboio para um passeio com amigos e não conseguíamos parar de chorar olhando uma para a outra da janela, mesmo sabendo que já estarias comigo amanhã...

E que dizer de todos os bilhetinhos e prendinhas que, buscando objectos pela casa, embrulhavas para me oferecer? E das migalhinhas dos bolinhos que te davam na escola e qque trazias no bolso da bata para mim?

E o dia que, com o teu sorriso luminoso, "iluminaste" aquela repartição do registo civil, fazendo sorrir o funcionário tão mal encarado, mas que não resistiu à forma entusiasmada, orgulhosa e genuinamente feliz como te dispunhas a ser medida para o teu primeiro BI.

Esse dia ficou na história ;)

Poderia estar aqui todo o dia lembrando todos e cada um dos bons momentos que proporcionaste ou de como, contigo, experimentei um amor,um companheirismo e uma identificação incondicional e pura daquelas que só conhecia dos livros...

E que  pacificou a minha alma sedenta e me deu a estabilidade que me permite hoje voar e deixar-te voar em paz

Sempre senti que foste feliz na tua infância e que eu fiz tudo o que estava ao meu alcance para que nada te faltasse, principalmente o que permitiria fazer de ti esse ser humano íntegro e em paz com a vida que acredito te estas a  tornar.

Parabéns querida filha e que Deus te abençoe e ilumine o teu caminho.

 

 

 



publicado por Marta M às 12:54
Olá Marta, parabéns a filhota e para ti.
beijinhos
Isa a 26 de Janeiro de 2010 às 15:20

Isa:
É bom ver-te por aqui ;)
Obrigada pelas tuas felicitações.
Foram entregues
Abraço
Marta M a 28 de Janeiro de 2010 às 19:11

Marta!
Muitos Parabéns à filhota e a tão bonito texto.
Ainda bem que não me ves pois, estou lavada em lágrimas ao ler os vossos episodios e ao ver o tamanho amor que tens pela tua filha!
Sabes, acho que das melhores coisas que podem suceder, e por mim falo, é quando uma Mãe diz e mostra a um filho o orgulho e alegria que tem por ele.
Tão bom também o brilho no olhar sempre que olham para nós, as imensas saudades com que ficam com apenas 2 dias de ausencia...
É muito bom ser filho quando se sente que o nosso lugar é aqui e que a nossa vinda veio dar alegria e felicidade a uma Mãe.

Um enorme beijo Marta e fico muito contente e comovida, por ver o imenso e caloroso amor que tens pelos teus filhos!!
Caminhando... a 26 de Janeiro de 2010 às 15:59

Joana:
Minha amiga, gosto de saber que os nosso episódios de mãe e filha têm a capacidade de emocionar alguém com a tua sensibilidade. Foram momentos simples e ao mesmo tempo absolutamente marcantes.
Guardo-os como os meus maiores tesouros aqui dentro do meu coração.
Sendo certo que, durante a fase aguda da adolescência , nem sempre os dias foram fáceis ou afáveis, sempre fui tendo estes tesourinhos para me abrigar e continuar a acreditar. ;)
Abraço grato
Marta
Marta M a 28 de Janeiro de 2010 às 19:16

Lindo e muito comovente este texto. Que felicidade essa ligação tão bonita, essa bagagem inesgotável de amor. Muitos parabéns à mãe e à filha e que Deus vos abençoe
descobrirafelicidade a 26 de Janeiro de 2010 às 18:00

Olá Teresa:
A ligação é antiga, direi até eterna, como se sempre tivesse existido...
Mas temos momentos complicados como qualquer mãe e filha.
Ontem, por exemplo, foi um deles...
Mas o amor e o essencial do entendimento sempre permanece ;)
Ainda bem.
Abraço grande
Marta M
Marta M a 29 de Janeiro de 2010 às 12:10

Já me tinha lembrado que a tua filha fazia anos esta semana e também das histórias sobre o seu crescimento que me contas, e lembro-me bem de dizeres que ela te ajudou muito.
Ainda bem que assim é e foi.
Paulo C
Paulo C a 26 de Janeiro de 2010 às 19:41

Paulo:
Ainda te lembras de todas estas histórias?
Sorte tenho eu de ter amigos que me escutaram (escutam) com atenção.
Obrigada eu ;)
Abraço para ti meu amigo
Marta M
Marta M a 29 de Janeiro de 2010 às 12:12

Olá, Marta!
Mas que Mãe tão linda!
Parabéns à sua filhota por ter uma Mãe tão cuidadosa, tal como se mostrou depois de ter sabido que estava grávida, descer as escadas lentamente e apoiada no corrimão...!
Às vezes é chato ter assim uma Mãe tão e sempre em cima dos acontecimentos, mas olhando melhor à nossa volta quantos jovens desejariam ter assim uma Mãe a cem por cento!
Beijinhos às duas!
Marcolino
Marcolino Duarte Osorio a 26 de Janeiro de 2010 às 19:47

Marcolino:
Sempre gentil!
Mas olhe que tem razão, os meus filhos acham-me "demasiado" presente e atenta ;)
Mas que fazer? Enquanto não ganharem asas seguras gosto de estar por perto só para "garantir"
;)
Abraço de bom fim de semana
Marta
Marta M a 29 de Janeiro de 2010 às 22:39

Marta,
Adoro ler-te e esse escrever sobre os filhos é tão terno e embevecido.
Adoro quando o falas no voar...ufa!! tão difícil abrir as asas. Só mesmo uma mãe sabe...
Muitos anos de vida para as duas. Beijo de Parabéns.
Nucha
Nucha a 26 de Janeiro de 2010 às 23:24

Nucha :
Obrigada pela tua visita e pelo comentário, imagino que o teu tempo disponível para estas visitas é escasso...
Sei que esta semana as situações se tornaram menos pesadas para ti e alegro-me muito com isso.
Já sabes isso, não é?
Desculpa se não te contacto mais vezes, mas não consigo acrescentar horas ao dia.. :(
Eu escrevo sobre a minha vida e, nesse processo, tento perceber o que ando a fazer por aqui...
;)
Abraço grande e vai dando notícias via mail ou sms,ok?
Marta M a 30 de Janeiro de 2010 às 19:50

Um texto e dedicatória divinais....

Parabéns à filhota e à mãe por saber expressar-se tão bem...

Lindo...
Loira a 27 de Janeiro de 2010 às 12:19

Amiga.
Ainda bem que gostaste do meu texto, são histórias da minha vida que,aos poucos,gostode partilhar.
Obrigada pelo coment.
;)
Bom fim de seman para ti
Marta M a 30 de Janeiro de 2010 às 19:52

Olá Marta
Tenho andado um pouco ausente e hoje quando te vim visitar deparei com este post lindíssimo que dedicaste á tua filha.
Mesmo atrasada desejo-te os meus sinceros parabéns.
Poderes falar assim com tanta ternura e amor da tua filha é o melhor bem que podes ter.
Nota-se que entre as duas há uma cumplicidade e companheireirismo que por vezes faz esquecer que são mãe e filha...estou certa?
Este é o amor mais incondicional que conheço e com o passar dos anos chega-se á conclusão que é o amor mais sincero que existe... Aplica-se aquela frase muito batida:"- Mãe só há uma!
Marta que por muitos anos continues a encher o teu coração de alegrias com a presença carinhosa da tua filha.
Beijos
Manu
Existe um Olhar a 28 de Janeiro de 2010 às 12:36

Manu:
Estas certa sim, existe grande cumplicidade. Mas isso também tem um lado "lunar"...Às vezes, a excessiva confiança, ainda que de forma serena (por aqui somos assim) se permite usar argumentos fortes...E há dias menos fáceis.
Mas tenho estes tesourinhos e lá me "compenso" de dias menos afortunados.
Abraço grande de bom fim de semana
Marta
Marta M a 30 de Janeiro de 2010 às 19:56

Bonito o amor que revela por sua filha. Muitos pensarão; é normal! é mãe... Mas quantas crianças existem que não sabem o que é o amor de uma mãe...
Eu tenho 5 filhos, as pessoas mais importantes da minha vida...
Parabens à filha! Parabéna à Marta, por valorizar pequenas coisas, que nos dão tanta felicidade!
Beijinho
Rosinda a 28 de Janeiro de 2010 às 20:01

Amiga:
Existem imensas que nem sabe o que é carinho e orientação paterna. Conheço dezenas pelas escolas onde já passei.
Triste.
Agora, amiga, 5 filhos?
Corajosa e com um coração enorme!
Acertei?
Abraço de bom fim de semana
E obrigado pela visita.
Marta
Marta M a 30 de Janeiro de 2010 às 19:59

Professora Marta!
Encontrei o seu blog ao acaso, e permita-me dizer-lhe que dei uma vista de olhos e a professora tem talento. Textos muito bonitos.
Desejo-lhe as melhores felicidades.

Cumprimentos

Paulo Ferreira EFA Jaime cortesão Técnico de vendas
Paulo Ferreira a 31 de Janeiro de 2010 às 10:38

Olá Paulo:
Seja bem vindo.
Como vai?
O curso quase terminado, não é? Sei que é aplicado e estudioso e, por isso, mesmo acumulando escola com um trabalho exigente, vai conseguir obter o seu diploma.
Tenho a certeza.
Volte sempre que quiser e obrigada pelas suas simpáticas palavras.
Marta M
Marta M a 31 de Janeiro de 2010 às 19:44

Vejo o mundo, somo o que me acontece, vejo os outros, as minhas circunstâncias....Escolho caminhos e vou tentando ver o "lugar" dos outros
Afinal quem penso que sou..
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
20
21
22

24
25
27
28
29
30



Aviso:
As imagens que ilustram alguns posts resultam de pesquisas no google, se existir algum direito sobre elas, por favor,faça-me saber. Obrigada.
Lugares que Também visito ;)
http://optimismoemconstrucao.blogspot.com/ http://joaodelicadosj.blogspot.com/ http://theosfera.blogs.sapo.pt/
pesquisar neste blog
 
Contador de visitas ...
E neste planeta...

contador gratis
blogs SAPO